Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > Cohab entrega casas do Residencial Jerônimo Nogueira
Início do conteúdo da página

Cohab entrega casas do Residencial Jerônimo Nogueira

O prefeito Alexandre Kireeff entregará as chaves às famílias nesta quinta-feira (30); mais de mil casas foram entregues pela atual gestão
  • Publicado: Terça, 28 de Outubro de 2014, 09h22
  • Acessos: 1911
A Prefeitura de Londrina, por meio da Companhia de Habitação (Cohab), em parceria com o governo federal, representado pela Caixa Econômica Federal, entrega nesta quinta-feira (30) as chaves das primeiras 35 casas do Residencial Jerônimo Nogueira, localizado na zona norte. O empreendimento é composto por 149 unidades habitacionais e  integra o Projeto Quatro Bairros, do Programa Federal “Minha Casa, Minha Vida”, que em 2014 já entregou outras 81 unidades deste projeto na cidade. A cerimônia ocorrerá no próprio Residencial, às 9h, na rua Aristides Vaz, esquina com João Steinle. Participarão o prefeito Alexandre Kireeff, o presidente da Cohab-Londrina, José Roberto Hoffmann, e a Caixa, representada pelo superintendente regional Elcio de Lara e sua equipe. As demais 114 unidades que completarão o empreendimento serão entregues até o final do ano.

Foto do Residencial Jerônimo NogueiraAs novas casas têm área de 40 m² e são compostas por dois quartos, sala e cozinha conjugadas, banheiro com acessibilidade para cadeirantes, equipada com aquecedor solar e piso cerâmico. As famílias contempladas apresentam situação de vulnerabilidade social e enquadram-se na faixa 1 do Minha Casa, Minha Vida, com renda familiar de até R$1.600,00. As unidades habitacionais só podem ser utilizadas exclusivamente com a finalidade de moradia. Das 35 unidades, a maioria tem como chefe de família a mulher.

Segundo a assistente social da Cohab-Londrina, Edna Braun, o empreendimento trará um impacto positivo para a região. “Além de atender as famílias com as casas, que poderão usufruir da estrutura de saúde e educação já existentes na região, a prefeitura irá executar um trabalho social para melhorar a qualidade de vida dessas pessoas e trabalhar a identidade e sentimento de pertencimento das mesmas ao novo local de moradia”. Para isso serão desenvolvidas várias ações com diferentes profissionais.  “As famílias serão instruídas a respeito dos cuidados com a moradia e o meio ambiente, alternativas de ampliação da casa, dicas sobre economia doméstica, geração de trabalho e renda, entre outros”, finaliza.

Fim do conteúdo da página